Sou Pro

O que é o CapEx e o que significa para empreendedores?

O que é o CapEx

Consertar um telhado, comprar um equipamento ou construir uma nova fábrica. O que têm em comum estas despesas? São todas exemplos de CapEx, uma métrica essencial para a gestão de um negócio e para aferir a rentabilidade dos investimentos de uma empresa. Descubra o que significa, porque é importante e como medir.

O que é o CapEx?

O termo CapEx, ou Capital Expenditure, é a soma do capital investido por uma empresa para adquirir, atualizar e manter ativos como terrenos, fábricas, edifícios, tecnologias ou equipamentos. Estes investimentos destinam-se a manter ou ampliar os resultados da empresa.

Em empresas que dependem em grande medida dos seus ativos – de ginásios a fundições – o peso do CapEx face ao volume de vendas tende a ser extremamente elevado. Se não for bem gerido, pode criar impactos negativos nos resultados e na libertação de cash flow.

Um negócio com CapEx elevado tem uma exigência permanente de capital, o que obriga a empresa a investir parte dos resultados para renovar o parque de equipamentos – ou a recorrer ao capital de fundadores ou investidores. É por isso menos potencialmente menos atrativa e ágil.

Com um CapEx elevado, a empresa corre o risco de criar uma estrutura demasiado pesada, com compromissos a longo prazo. O que acontece a uma empresa com elevado CapEx perante uma mudança do mercado ou se surgir uma nova tecnologia? Terá um processo de adaptação mais difícil e custoso, pois terá de fazer novos investimentos avultados, penalizando ainda mais o CapEx.

O CapEx é ainda uma métrica base para calcular o retorno sobre o investimento (RoI) de um projeto. A partir do momento em que é feito um investimento, os ativos passam a fazer parte do capital da empresa e devem trazer um retorno a longo prazo. Para a viabilidade do CapEx, é necessário que o lucro cubra todo o investimento dentro de um limite temporal. Só avaliando este indicador é possível saber se os investimentos de uma empresa trouxeram resultados positivos.

Qual é a diferença entre CapEx e OpEx?

O termo OPEX, Operational Expediture, por outro lado, refere-se às despesas operacionais da empresa. São contabilizados custos necessários à atividade como salários, subcontratação, combustíveis e transportes. Ou seja, tudo aquilo que é necessário para o bom funcionamento da empresa.

Vejamos a compra de um terreno, por exemplo. Todas as despesas que a empresa tem para adquirir esse bem são classificadas como CAPEX. Já os custos para a manutenção desse terreno, incluindo o valor pago aos colaboradores ou empresas, são exemplos de OPEX.

A diferença entre CapEx e OpEx não é apenas um pormenor contabilístico – a consequência prática desta classificação é sentida a nível fiscal e de tesouraria. As despesas de capital (CapEx) são pagas no momento da compra, e registadas na contabilidade pelo valor da amortização do bem a cada ano. O imposto é pago de acordo com a depreciação do bem, ao longo do período de vida útil e não apenas no momento da compra. Já as despesas operacionais (OpEx) são pagas mensalmente ou anualmente, dependendo do caso, e são deduzidas ao montante tributado.

Por exemplo, quando uma empresa compra um veículo, paga um valor de uma só vez. Ou seja, é um exemplo de CAPEX. O valor do bem será dividido durante a vida útil. Mas se essa empresa optar por alugar esse mesmo veículo com soluções de renting por um valor mensal, trata-se de uma despesa operacional, logo OPEX. Essa despesa é deduzida ao lucro tributável no momento da compra.

Estas são as principais diferenças entre CapEx e OpEx:

CAPEXOPEX
SignificadoCapital Expenditures (despesas de capital)Operational Expenditures (despesas operacionais)
Tipo de despesasAquisição de Instalações, máquinas, equipamentos, etc. Ex.: Compra de um veículo automóvel.Custos operacionais: salários, alugueres de máquinas e equipamentos, custos de manutenção, publicidade, taxas e outros gastos consumíveis. Renting ou Leasing Automóvel.
Quando é pago?No ato da compra.Mensalmente ou anualmente, dependendo do caso.
TributaçãoA partir da depreciação dos bens.Os custos operacionais podem ser deduzidos do montante tributado.
VantagensSão compreendidos como investimento.Retorno a longo prazo.Maior previsibilidade.Dedução na tributação do ano corrente.Facilidade de aprovação dos gastos.Maior flexibilização dos custos, sem a necessidade de descapitalização.Adaptação a mudanças do mercado.
DesvantagensDepreciação dos bens adquiridos.Dificuldade na aprovação dos gastos.Altos custos a curto prazo.São compreendidos como despesas, não investimentos.Possibilidades de altos custos a longo prazo.Maior inconstâ

Como medir o CapEx?

O CapEx é apresentado no balanço das empresas como um investimento, ao invés de na demonstração de resultados como uma despesa.

No fluxo de caixa, o CapEx pode aparecer registado como despesas de capital, compras de ativos ou despesas de aquisição.

Também é possível calcular despesas de capital utilizando os dados da demonstração de resultados. Para isso, é necessário somar as despesas com compras de ativos e despesas de amortização.

OLX, simplificamos a complexidade

No OLX, sabemos que a vida de um empreendedor é muitas vezes dificultada por obstáculos que nada têm que ver com a gestão corrente do negócio. Desde burocracias contabilísticas, a dificuldades informáticas, ou erros logísticos, todos estes aspetos são vitais para o bom funcionamento do negócio e exigem tempo e dedicação constantes.

Por isso, desenvolvemos uma plataforma simples e intuitiva. Com um registo único no OLX Pro, as empresas têm acesso a uma equipa de gestores comerciais experientes que ajudam na gestão de um negócio online. Além disso, têm acesso a uma parceria exclusiva com os CTT que tratam dos envios porta-a-porta, da empresa até ao cliente. Para começar, basta preencher este formulário de registo.


Partilhe este artigo nas suas redes:

Próximas leituras:

Deixe um comentário