Sou Pro

As técnicas mais poderosas para assegurar a transparência do seu negócio

duas mulheres falam sobre negócios

A transparência é um processo, a forma de fazer as coisas. Não um resultado final. A transparência leva à confiança do cliente, do fornecedor ou do parceiro. Esse sim, é o resultado final da transparência do negócio. Então quais são as dicas, os métodos, que pode aplicar para trabalhar de forma transparente?

1. Seja o exemplo e lidere 

A transparência do negócio começa na liderança. Se um líder manifesta em todas as ocasiões uma atitude transparente e, ao mesmo tempo, encoraja-a, a equipa tem tendência a segui-lo.

Isto é realmente importante para uma equipa de vendas ou apoio ao cliente. Se o líder é transparente, ajudará a sua equipa a ser transparente com os clientes.

2. Dentro da sua equipa tenha todos bem informados

Quanto mais informação partilhar com a equipa, melhor será a forma que comunicam. Assegure-se que é transparente na forma como comunica o estado das coisas, o que se pode fazer e para onde se pode ir. 

Não há razão para ocultar dificuldades ou até oportunidades. A sua equipa precisa de saber o que se passa para ser justa com os seus clientes. 

3. Preços e campanhas sem asteriscos

A não ser que sejam as datas ou menções legais (ex: financiamento) não há razões para colocar asteriscos num produto ou serviço. Muito menos para publicitar um preço ou condições que não correspondem de facto ao valor final. O cliente valoriza saber com o que pode contar e a transparência do negócio é essencial para ele confiar no que está a comprar. 

4. Seja genuíno e humano nas redes sociais

As redes sociais foram criadas para unir pessoas. Se há espaço para “esquecer” o seu produto/serviço e mostrar um lado mais humano da sua empresa, é aqui. Mostre a forma como trabalha, onde trabalha, com quem trabalha. Mostre clientes satisfeitos e dê espaço aos insatisfeitos. Trate-os a todos de forma igual e aprenda com todos. 

5. Seja transparente quanto às dificuldades e clientes insatisfeitos

Uma empresa que oculte dificuldades e clientes insatisfeitos está a criar uma bolha pronta a explodir. Seja honesto e transparente com esses clientes. Dê-lhes espaço. As críticas que eles têm, têm um potencial construtivo para o seu negócio. E, mesmo que um cliente não tenha razão, tente perceber as suas angústias e ajude-o gentilmente.

6. Desempate processos

Já lhe aconteceu querer fazer um unsubscribe mas desistir após os 1001 passos para fazê-lo? Pois é, mesmo quando é para deixar clientes partir, convém não criar artimanhas e facilitar todos os processos.  A transparência do negócio não acaba quando o cliente deixa de estar interessado no seu produto ou serviço. Ela continua para além disso. É sempre um processo e ele está presente até no “adeus” ao cliente.

Ainda quanto ao desempatar de processos, o mesmo serve para quando um cliente se inscreve num serviço seu. Seja bem claro e explícito acerca da forma como trabalhará os dados do cliente. Há que respeitar o Regulamento Nacional da Proteção de Dados.

7. Seja transparente nas suas políticas sociais, ambientais e corporativas

Independentemente do produto ou serviço que fornece, ele vem de alguma parte ou é prestado por alguém. É importante que seja transparente com quem é a sua equipa e quem são os seus fornecedores. Por exemplo, a H&M foi considerada em 2020, mais uma vez, a marca mais transparente na indústria da moda. Esta é uma indústria que lida com muitas polémicas ambientais e sociais. Mesmo assim, através da sua transparência, a H&M conseguiu rentabilizar algo negativo, em algo positivo.


Partilhe este artigo nas suas redes:

Próximas leituras:

Deixe um comentário